Terra boa Glauber Plaça

(Salmo 1:3, Gálatas 5:22-23)
 
Sou como árvore plantada junto ao ribeiro das águas
Que em seu tempo, na boa estação frutificará
Campos de terras molhadas, por este rio são regadas
Onde eu firmo as raízes no chão que me alimentará
 
Na aquarela do céu destas tardes
A mão criadora do artista se faz
E no silêncio de estrelas da noite
A voz do Senhor promete um novo dia
A semente do AMOR crescerá, cores de todos tons no olhar
Amarelos, uns rosados, verdes, claros, ALEGRIA
Um aroma de PAZ espalhar, LONGANIMIDADE no ar
Frutos belos, doces caldos, gostos raros saborear
BENIGNIDADE nos ramos, BONDADE dos ventos
Embalam o canto das folhas que estão a dançar
E a FIDELIDADE guardada na essência do fruto
Que o Espírito dá
MANSIDÃO simples, calmos, como regatos e plantas em seu lugar
Ter o PRÓPRIO DOMÍNIO, puro fascínio Em Deus esperar
Pois sou como árvore plantada junto ao ribeiro das águas
Que em seu tempo na boa estação
FRUTO DO ESPÍRITO
FRUTO DO ESPÍRITO será

Comentários

Postagens mais visitadas