Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2019

Usando bem o dinheiro

O dinheiro deve servir as pessoas. Não podemos exercer nenhum poder com o dinheiro, mas usá-lo para criar, nas pessoas, a possibilidade de desenvolver suas capacidades, seus talentos e dons que Deus deu. Devemos trabalhar com o dinheiro de modo espiritual, quando entendemos que Deus nos permite tê-lo para proporcionar para nós e para os outros algo melhor.  A convivência espiritual com o dinheiro consiste em servir as pessoas. Não há possibilidade de honrarmos Deus, se o dinheiro nos torna dependentes dele. Se somos escravos dele, ele reina sobre nós, então passa a ser o nosso dono. Por isso, Paulo diz que o amor ao dinheiro é a raiz de todos os males. Porque quando dependemos dele, ele nos torna orgulhosos, soberbos e nos faz olhar para as pessoas que nos cercam com arrogância e prepotência.  Cuidado com o dinheiro! Ele pode nos destruir por dentro, ele pode nos tornar pessoas escravas e amantes dele, não do Senhor que nos dá o sustento para a vida. Aprendamos a usar o dinheiro para so…

O ponto crucial

A importância de andar em retidão diante do Senhor fica muito clara quando lemos as palavras de Jesus: Se vocês me amam, obedecerão aos meus mandamentos. (Jo 14.15) Interessante olharmos para essas palavras.  Há uma condição para obedecer e andar com Deus olhando sempre para a sua vontade e querer. A grande condição é o amor diante dele. Não há a menor possiblidade de andarmos na presença de Deus, olhado para os mandamentos e prescrições das Sagradas Escrituras, se não amarmos de todo o coração ao Senhor.  Podemos dizer que o amor resulta naturalmente em obediência. Fugimos da corrupção do nosso coração porque amamos ao Eterno Deus e queremos honra-lo em tudo que fizermos. Respeitamos o nosso próximo porque amamos ao que o criou. Cuidamos da criação porque amamos ao Senhor dela e olhamos para as palavras que ele nos deu no texto sagrado de que deveríamos ter zelo e cuidado pela criação. Anunciamos o Evangelho e o preço pago na cruz do Calvário, porque amamos ao Senhor Deus.  É absolutame…

Aprofundando o ser na oração

No livro A oração que Deus ouve, Eugene Peterson afirma: Nossas orações são infundidas com um senso de gramática. Ao orar os Salmos, aprofundamos, aguçamos e amplificamos nossas memórias.  O grande escritor de espiritualidade Henri Nouwen disse também que a oração não nos permite limitar nosso relacionamento com Deus a palavras interessantes ou emoções piedosas. Pela sua própria natureza, essa oração transforma todo o nosso ser em Cristo, precisamente porque abre os olhos da alma à verdade de nós mesmos e também à verdade de Deus. No coração nos vemos como pecadores que são abraçados pela misericórdia de Deus.  A oração nos ajuda e ver o nosso ser na presença de Deus e o quanto necessitamos ser transformados por Ele e edificados em cada detalhe do coração. Realmente, Eugene tem toda razão, na oração aprofundamos, aguçamos e amplificamos nossas memórias. Como é preciso abrir, rasgar e colocar todos os desejos, anseios e lutas na presença de Deus através da oração. Quando estivermos no me…

Tocados pela videira divina

O dia-a-dia não nos permite pensar na ideia da videira. Não percebemos o processo dela. A brotação constitui no despertar fenológico da planta após o adormecimento invernal e ocorre com base nos nutrientes acumulados pela planta no ano anterior. Os gomos lactentes incham e começam a empurrar as escamas protetoras dos 'olhos'. Um gênero de pelugem surge e as primeiras folhas aparecem.  Os primeiros gomos a eclodir são os da extremidade do sarmento (efeito trepador da espécie), retardando ou inibindo a eclosão dos gomos proximais. Os agricultores de climas continentais aproveitam este fenômeno para, podando tarde, se defenderem da geada. Seis a treze semanas após o abrolhamento, surgem, nos nós dos ramos jovens e à razão de 1 a 4 cachos por ramo, as flores da videira dispostas à fertilização.  Em algumas castas, como a Malbec, as flores são fertilizadas antes da floração; outras, como o Marufo, só possuem órgãos femininos e necessitam estar rodeadas por outras castas para fert…

O desprezo é cruel

Não deveríamos desprezar os nossos semelhantes em momento algum. Deveríamos ser mais cordiais e sensíveis para a vida humana. Bom, o significado para essa palavra é: segregar, não gostar, mostrar aversão a alguém, depreciar, calcar, desacatar, desconsiderar, desdenhar, desrespeitar, escornar, menoscabar, menosprezar e subestimar. A grande verdade é que toda vez que alguém despreza o outro, o segrega da comunidade humana. Toda vez que desprezamos o outro o atiramos na solidão.  Um dia fui menosprezado numa situação entre amigos, me senti muito mal, me senti excluído do grupo e precisei de muito cuidado para lidar com isso no coração. Confesso que levaram alguns dias para administrar isso dentro de mim.  O desprezo faz com que as pessoas se desmotivem, ele corta as relações de convívio e paralisa amizades até profundas. Paulo nos convida em Romanos 15.1 e 2, para abraçar as pessoas e cuidar de todos: Mas nós, que somos fortes, devemos suportar as fraquezas dos fracos, e não agradar a nós …

O nosso mediador

Quando lemos o capítulo 3 de Gênesis, nós encontramos a primeira proposta explicita do mal, para que o homem rompa com o Deus da aliança. A serpente tenta primeiramente a Eva para desobedecer a Deus. Ela mexe com o ego de Eva dizendo: É certo que não morrerás.

Sem medo na vida

Nossos medos são como correntes em volta do coração, é bem verdade que eles nos paralisam, nos prendem em várias vezes e nos escravizam em algumas circunstâncias. Nossos medos nos deixam indecisos para questões importantes na vida. Temos medo da Faculdade porque não sabemos o futuro do mercado. Temos medo do casamento pela possibilidade de mudanças radicais. Temos medo do novo trabalho, porque não sabemos o que acontecerá com as adaptações do mercado.  Temos medo da violência, da juventude, da velhice e do que pode acontecer conosco. Enfim, temos medo em vários processos da vida. Bom, no meio de todos os nossos medos, Jesus Cristo é aquele que trabalha todos os medos e nos traz a sua paz. Ele nos ajuda a atravessar todos os obstáculos da vida. Ele nos sustenta quando não temos chão e ficamos sem a direção certa na vida. Jesus nos ampara em todas as circunstancias da nossa jornada.  Quando os discípulos estavam com medo e pavor por causa da tempestade no mar, Jesus foi acordado e eles …

Mudança de vida

Leon Tolstói afirmou: Todos pensam em mudar a humanidade e ninguém pensa em mudar a si mesmo. Essa afirmação tem profundidade, porque normalmente falamos do que acontece no país, todas as falcatruas, toda a corrupção. Reclamamos de maneira incisiva, falamos e falamos. Mas, não percebemos que jogamos no chão o papel do doce que comemos.  Falamos que fulano é bruto e insensível, mas em casa gritamos com a esposa. Falamos que o filho de fulano não pode fazer isso ou aquilo, mas vemos os nossos fazendo o mesmo e nem falamos nada.  Verdade séria mesmo: pensamos em mudar a humanidade, mas não pensamos em mudar a nós mesmos. Precisamos pedir para que o Eterno Deus faça as mudanças necessárias para que sejamos instrumentos da graça para transformação de pessoas e lugares. Precisamos ser lapidados pela graça, para que amemos mais, nos envolvamos mais com as pessoas.  Precisamos mudar em relação ao Reino de Deus. Devemos nos envolver mais com a Palavra de Deus e a oração. Precisamos ser lapida…

Novidade de vida

Tem gente que se acha o máximo na vida. Acha que é um santo de pedestal. Triste ilusão, todos nós temos uma natureza desastrosa e pecaminosa. Nas Escrituras aprendemos que não nos tornamos mentirosos, somos mentirosos. Não nos tornamos adúlteros, somos adúlteros. Não nos tornamos invejosos, somos invejosos por natureza. Essa natureza é um caos mesmo.  Quando nos olhamos no espelho, percebemos que somos filhos de Adão. Mas, pela graça, não por causa de nós, não por causa das boas ações que batemos no peito para falar delas, não por causa de uma justiça humana, mas por causa de Cristo, temos a liberdade, temos o resgate dos pecados.  Em Cristo temos a restauração todo dia. Essa natureza caída não é mais predominante em nós como filhos adotivos de Deus. Agora, como Paulo afirma em Romanos 6, vivemos em novidade de vida pela graça que produziu em nós a renovação da nossa imagem. Em Cristo, a nossa imagem está sendo restaurada até o dia da sua volta, quando não mais teremos a exposição de pe…

Tempo divino

A história da nossa vida acontece no cronos, ou seja, em tempo real. Trabalhar é esperar o tempo quantitativo. O tempo chamado cronos é o tempo das coisas acontecendo na nossa vida de maneira natural. Acordamos, levantamos, tomamos café e o tempo passa. Almoçamos, trabalhamos e voltamos para casa. Jantamos, realizamos atividades, conversamos e dormimos. Enquanto isso acontece nos céus o tempo kairós, o tempo em que Deus trabalha, já esse tempo é medido em qualidade, diferente do nosso que é medido em quantidade. Esse tempo tem a ver com a vida, quanto ela dura nesse estado físico. O kairós divino é explicado porque Deus está sempre presente na história. Esse tempo é fora da cogitação humana, porque é o que Deus realiza seus planos em relação a nossa história. Eu desejava me casar com 25 anos de idade e ser pai com uns 27 anos. Que projeto é esse? O projeto cronos, as medidas humanas e os planos humanos para a vida. Resultado, no kairós divino casei com 27 e só fui pai com 38 anos depoi…

Presença

O grande escritor Gordon Fee afirmou algo precioso demais: Presença é uma palavra deliciosa — porque aponta para uma de nossas grandes e preciosas dádivas. Nada mais pode ocupar o lugar da presença, nem presentes, nem telefonemas, nem fotos, nem lembranças, nada. Pergunte à pessoa que perdeu seu cônjuge de longos anos do que mais ela sente falta; a resposta invariavelmente será “presença”.  Quando estamos doentes, não precisamos tanto de palavras confortadoras, quanto precisamos da presença daqueles que amamos e nos amam. Deus nos fez desta forma, à sua própria imagem, porque Ele mesmo é um ser pessoal que se relaciona. Verdade, somos o reflexo divino em termos de relacionamento, por isso existe ajuntamento de pessoas. Elas falam, choram riem, abraçam, beijam e demonstram afeto, carinho e amor.  Como é bom contar com a presença daqueles que nos amam. Nós nos sentimos bem e alegres porque gente anda com gente. Gente sente gente. Sejamos presentes na vida das pessoas nas horas alegres,…

O menino que chorou profundamente

Ontem comentava com duas amigas aqui da igreja sobre algumas surras de fio que levei do meu pai. Uma vez, quando meu pai deu a última pancada de fio, caí no chão e meu corpo latejava de dor. Quando minha vizinha viu (Maria Inês), partiu para cima do meu pai e dizia: Seu monstro, seu desumano! Você matará seu filho de tristeza! Você não merece viver! Suma da vida desse menino e o deixe em paz! Depois, ela e a minha mãe começaram a fazer os curativos. Minhas pernas estavam iguais as dos escravos, quando levavam chicotadas dos seus senhores, na época da escravidão.  No outro dia, tinha educação física, o professor pediu para todos tirarem o agasalho. Só eu fiquei com a calça. Ele disse: Alcindo, tire a calça! Eu respondi: não posso professor Sidnei. Ele respondeu: tira ou paga 40 flexões. Claro que tirei imediatamente! Quando ele veio perto de mim, seus olhos se encheram de lágrimas e me levou para a diretoria. Falei tudo o que aconteceu, o meu professor chorou e disse: Alcindo, me descu…

Minuto de Graça #155 Jesus é a verdade

É preciso saber viver

A letra da música de Erasmo Carlos diz: Quem espera que a vida seja feita de ilusão, pode até ficar maluco, ou morrer na solidão. É preciso ter cuidado para mais tarde não sofrer. É preciso saber viver. Toda pedra do caminho você pode retirar. Numa flor que tem espinho, você pode se arranhar.  Quero pedir emprestada a frase de Erasmo Carlos: É preciso saber viver. Aprender a viver de maneira diferente é algo muito mais difícil do que podemos imaginar. Porque sabemos a vida tem surpresas que não gostamos muito. Quando andamos em honestidade em todos os processos da vida, sabemos que sofreremos por causa dessa prática na vida de honestidade. Porque viver honestamente é pagar os impostos de maneira correta e sincera. Viver honestamente é combater as falcatruas que têm sido normais em todas as facetas da sociedade. Porque todo mundo mente para facilitar o seu lado e o honesto não mente, mesmo que perca algo, mesmo que sofra para que o verdadeiro prevaleça.  Liberdade para viver é um caminho…

Suportando a dor

A dor é um bom sinal de que estamos vivos. Quem está vivo de alguma maneira experimentará algum tipo de dor, seja com a morte de alguém querido, seja uma enfermidade, seja uma perda de grau emocional. Não sou um defensor da dor, mas percebo que ela é um grande processo para mostrar a nossa fragilidade e o quanto somos incapazes de andar sozinhos nessa vida. Não entendemos muito bem a dor, mas sabemos que ela é o meio que Deus usa para nos dar foco e sentido nele. A dor sempre produz efeito redentor em nós! Jesus não nos enganou quanto a caminhada com ele, tanto que afirmou: Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo. (João 16:33) Opa! Teremos aflições? Sim, exatamente isso que Jesus disse. Teremos dores, aflição, pesares, tristezas, depressão, angústia e lutas da vida diária porque somos humanos pecadores. O que fazer diante disso? Viver com essa paz de Jesus no coração. A paz dele nos ajuda a suportar a dor em todos o…

Veneno terrível

A amargura é como um câncer, ela se alimenta do hospedeiro. Ela trabalha às escondidas e é raro enxergar o correndo por sua veias. A amargura vai corroendo a gente por dentro até nos transformar em seres azedos e rancorosos. Cuidado com esse negócio horrível que adoece você e não permite respirar de maneira saudável nos relacionamentos com as pessoas.  Sigamos o conselho das Escrituras Sagradas  que dizem:  Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem - Hebreus 12.15. Vejam que toda vez que deixamos a amargura assumir o ponto alto do coração, nos privamos da graça que flui na vida.  Precisamos fugir da raiz da amargura, ela destrói, azeda e nos deixa extremamente cegos para a graça. A graça nos faz perdoar, olhar para os que nos feriram com ternura e bondade. (Alcindo Almeida)

Amigos do coração

Estou passeando nas páginas do capítulo 20 de I Samuel. Leio em câmera lenta os detalhes aqui e vejo os detalhes da amizade entre Jônatas e Davi. Nesse capítulo, percebo que entre esses dois amigos há companheirismo, afeto, confiança, aliança e demonstração de cuidado sempre. Jônatas é tão leal e tão respeitoso para com Davi que ele diz: O Senhor o requeira da mão dos inimigos de Davi. E Jônatas fez jurar a Davi de novo, porquanto o amava; porque o amava com todo o amor da sua alma. (1 Samuel 20:16,17) Percebemos que essa amizade é completamente diferente e sem interesses em nenhum momento. Jônatas apenas ama a Davi de todo coração e deseja o melhor para seu amigo. Ele quer que Davi seja salvo das garras maldosas do seu pai Saul. Jônatas nutre respeito e afeto pelo seu amigo. Ele reconhece que Deus está ao lado de Davi.  Deus quer que tenhamos amizades desse padrão. Amizades que vão além do normal. Amizades que se entregam de corpo e alma. Deus quer que nos preocupemos com as pessoas …