Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2019

Leituras em janeiro de 2019

1. ZACHARIAS, Ravi. *Jesus entre outros deuses*. *Uma defesa da singularidade da fé cristã*. São Paulo: Vida Nova, 2018. Em Jesus entre outros deuses, o autor fornece respostas às dúvidas mais fundamentais sobre o cristianismo: Todas as religiões não são fundamentalmente a mesma coisa? Jesus era o que afirmou ser? É possível estudar a vida de Cristo e demonstrar de forma conclusiva que ele era e é o caminho, a verdade e a vida? Em cada capítulo, Ravi Zacharias analisa uma afirmação que Jesus fez acerca de si próprio (“Eu sou o caminho, a verdade e a vida”, por exemplo) e contrasta — de forma convincente e apaixonada — a verdade de Jesus com os axiomas defendidos pelos fundadores do islamismo, do hinduísmo e do budismo. Além de uma pesquisa ampla e impressionante, o autor compartilha nessa obra seu testemunho pessoal sobre como avançou do desespero e da falta de sentido para a descoberta de que Jesus é, de fato, quem ele disse ser. Contém 272 páginas.2. 
MOHLER, Albert. *Desejo e engano…

Um verdadeiro herói

Não entendo como pessoas defendem um cara que cuspiu em outro ser humano. O cara sai do país e é lembrado por um monte de gente. Ele é notícia nas mídias e jornais.  Uma pessoa que devemos lembrar com lágrimas nos olhos é o jovem Jefferson. Ele tem 34 anos, desempregado e viu sua pequena casa ser levada pela barragem, lutou contra a lama. Ajudou a salvar 40 pessoas, ficou ao lado de uma mulher no chão reanimando-a até os bombeiros chegarem. A irmã dele ainda está desaparecida. Jefferson perdeu tudo que tinha, até a família. Mas, dentro dele existe uma força que é maior que tudo debaixo do sol: a força que vem de Deus e o sentimento de nunca se entregar e ajudar o próximo. Esse sim deve ser lembrado e aplaudido por todos nós.  Agora, esse ex-deputado, que larga seu país e vai embora com a fortuna que ganhou da telinha, é só mais um que deixa a história sem marcas profundas. Jeferson marca a história por se preocupar com 40 pessoas, com 40 seres humanos! Esse é um verdadeiro herói!

Minuto de Graça #128 | Ele olha para nós

Minuto de graça #14 - Entreguemos a nossa jornada ao Eterno Deus

Minuto de Graça #145 Primazia do coração

Cristo dentro de nós

Nós somos o templo de Jesus Cristo de Nazaré. Não estamos simplesmente obrigados a ir a um edifício para poder ter comunhão com Deus. Não há posturas, horas e limitações específicas que restrinjam nosso acesso ao eterno Deus. Não vamos ao templo para cultuar, nós levamos o tempo conosco. Cristo habita dentro de nós, onde quer que formos, carregamos a Trindade dentro de nós.  Paulo teve essa visão profunda quando afirmou em Colossenses 1.27: Aos quais Deus quis fazer conhecer quais são as riquezas da glória deste mistério entre os gentios, que é Cristo em vós, esperança da glória.  Cristo está em nosso ser para sempre. O templo que vamos sempre é importante para a reunião e comunhão do povo que adora o Cristo, mas o templo divino, somos nós. A habitação divina está no nosso ser.  Essa ideia muda tudo, porque onde estivemos e o que fizermos nessa vida terá a presença de Cristo dentro de nós. Seja num carro que vendemos, num momento de trabalho ou numa viagem a negócios. Ele está dentro …

A bondade de Deus

No Salmo 33 Davi disse: A terra está cheia da bondade do Senhor. A bondade de Deus é um item precioso para louvamos o seu nome. Ele cuida das flores do campo, ele cuida dos pássaros, ele cuida dos homens preservando a terra, enviando a chuva e o sol. Na noite, ele nos presenteia com a lua e a estrelas.  Sem dúvidas a terra está cheia da bondade de Deus. Nós como povo dele, somos convidados a exaltá-lo pela sua infinita bondade, porque um dia ele enviou do seu próprio trono, o nosso Salvador para nos redimir de todo pecado e Ele nos trouxe para perto desta bondade profunda.  A terra está cheia da bondade do Eterno Deus. Ela não fica sem experimentar os efeitos dessa grande bondade. Nós somos agraciados pelo Deus de infinita bondade e amor. (Alcindo Almeida) 

Minuto de Graça #144 - Somos encontrados

Somos passageiros na terra

Salomão afirma em Eclesiastes 1.11: Já não há lembrança das gerações passadas, nem das gerações futuras haverá lembrança entre os que virão depois delas. Quando morrermos não veremos mais aqueles que amamos. Quando morrermos as pessoas se lembrarão algum tempo de nós, mas a vida continuará para os que estão vivos. Vejam a lógica de Salomão: O sol nasce e o sol se põe e corre de volta ao seu lugar donde nasce. O vento vai para o sul e faz o seu giro vai para o norte. Todos os ribeiros vão para o mar, e, contudo, o mar não se enche. Todas as demandas da natureza têm o processo normal. Só o ser humano que um dia parará de respirar e viver. Interessante notar que há pessoas que pensam que podem fazer o sol nascer. Não temos esta força em nenhum momento da vida. As pessoas querem cuidar da estética do rosto achando que o tempo pode parar. Vemos meninas realizando pequenas cirurgias com 18 anos de idade. Porque querem mudar a estética do corpo diante de algo que acham que é necessário melhora…

Renovação da vida

Oração é a linguagem utilizada no relacionamento pessoal com Deus. Ela expressa profundamente o que sentimos, ansiamos ou respondemos diante de Deus. Ele fala conosco e nossas respostas são as nossas orações. Essas respostas nem sempre são articuladas: silêncio, suspiros e grunhidos também constituem respostas. Elas nem sempre são positivas: ira, ceticismo e blasfêmias também são respostas. Porém, sempre Deus está envolvido, quer na escuridão, quer na luz, em fé ou desespero. É difícil nos acostumarmos com isso, pois temos o hábito de falar sobre Deus, não com Ele.  Amamos discutir sobre Deus, porém os Salmos resistem a esta tendência. Eles não nos foram concedidos para ensinar coisas sobre Deus, mas para nos treinar em responder a Ele. Não aprendemos os Salmos até que os estejamos orando. Tais texturas, a poesia e a oração, são responsáveis tanto pelo entusiasmo quanto pela dificuldade em lidar com este texto. A poesia requer que lidemos com nossa verdade…

Relacionamentos com as pessoas

A Bíblia mostra em Romanos 13:10 que a nossa tônica deve ser a do amor, do demonstrar cuidado para com as pessoas. Aí, nós usamos as coisas e valorizamos, amamos as pessoas. Dê amor para as pessoas que lhe cercam e faça das coisas apenas um item a mais da vida.  Não há dinheiro no mundo que compre um abraço, um tempo de conversa, um beijo, um afago, uma palavra de carinho e amizade. Um dia morreremos e o que deixaremos de valor serão as amizades e os relacionamentos com as pessoas.  As coisas que usamos se tornarão em nada. Então, peçamos graça da parte de Deus, para que usemos as coisas e amemos muito mais as pessoas. (Livro: Silenciando o coração diante do Pai).
#alcindoalmeida#livrosilenciandoocoraçãodiantedopai #editorafolego#editoramundocristão#editorahagnos#editoravida#editoravozes#editoravidanova#editora#editorarecord#editoraarqueiro#editoraultimato#editorafiel#editorareflexão

Leituras realizadas em 2018