Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

O convite divino

No texto de II Coríntios 11:17, Paulo afirmou: Aquele que se gloria, que ele se glorie no Senhor. Essa abordagem de Paulo simples, porque todos os filhos de Adão amam ser glorificados no ser. Por isso, Paulo diz para todos nós termos cuidado com a ostentação, seja em propósitos, planos, labutas ou o sucesso. Paulo nos ensina que o nosso próprio poder de realizações, ou de retidão é muito audacioso. Somos um poço de orgulho e podemos muito bem achar que somos suficientes em nós mesmos.  O convite divino é que vejamos toda a bênção e todo o sucesso como algo do céu e não de nós mesmos. O convite é que nos gloriemos no Senhor. Se temos algo valioso de feitos, devemos considerar o Senhor como o autor de tudo. Isso é uma lembrança do texto de  Jeremias 9: 23-24: Não se glorie o sábio na sua sabedoria, nem se glorie o poderoso na sua força; não se glorie o rico nas suas riquezas; mas o que se gloriar, glorie-se nisto: que me entenda e me conheça, que eu sou o Senhor, que faço benevolência, j…

Últimas postagens

Minuto de graça #22 - Necessidade da oração

Um toque no coração

Olhemos para Ele

Somos o bom perfume de Cristo

Minuto de Graça #115 | Somos frágeis demais

Minuto de Graça #125 | A arte de aprender

Temos a mente de Cristo

Necessidade de aceitação

Aperfeiçoamento através do sofrimento

A glória futura