Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2010

CORRENDO COM PACIÊNCIA

- Texto pra reflexão:Portanto...corramos com paciência a carreira que nos está proposta (Hb 12:1).
A vida moderna tem-se traduzido em uma corrida de um nível frenético. A velocidade das informações, o volume das pressões, a complexidade e diversidade das situações se multiplicam, e, muitas vezes, ficamos a pensar como o sábio Salomão, que ao estudar tudo o que se faz neste mundo afirma: “Que serviço cansativo é este que Deus nos deu! Eu tenho visto tudo o que se faz neste mundo e digo: tudo é ilusão. É tudo como correr atrás do vento”.
Se as observações do sábio Salomão fazem sentido, literalmente podemos afirmar como o escritor aos Hebreus que, realmente, é preciso “correr com paciência”.
Acontece que correr com paciência é algo muito difícil. Se por um lado o registro da verdade bíblica sugere algo tão real e presente em nossos dias (correr), fazê-lo sugere imediatamente e exatamente a ausência de paciência.
“Correr” sugere o desejo de alcançar rapidamente o alvo. Tem muito a ver com es…

SUA ALTEZA, O MENDIGO. XL

Aba mora num palácio superior, mas também habita num casebre humilde. Vejam os dois endereços: Porque assim diz o Alto, o Sublime, que habita a eternidade, o qual tem o nome de Santo: Habito no alto e santo lugar, mas habito também com o contrito e abatido de espírito, para vivificar o espírito dos abatidos e vivificar o coração dos contritos. Isaías 57:15.
O Céu é a casa nobre. O coração quebrantado é a casa pobre. O Pai é santo e não pode habitar no barraco sujo da favela moral do pecado. Um coração contaminado pelo egoísmo é incompatível com a vida de santidade divina.
Os descendentes de Adão encontram-se impossibilitados de conviver com o Deus santo, portando essa natureza exclusivista e arrogante. É preciso quebrantamento interno e profundo.
Somos uma raça montanhista e queremos subir ao topo da cordilheira. A notoriedade corre na frente de qualquer sentimento. Se não conseguimos alcançar os primeiros lugares, temos que achar defeitos em quem consegue se notabilizar. A censura e a m…

ESTUDOS NO SERMÃO DO MONTED. Martyn LLoyd-Jones; Editora Fiel; 606 páginas.

ESTUDOS NO SERMÃO DO MONTED. Martyn LLoyd-Jones; Editora Fiel; 606 páginas.
Preste atenção a tudo o que D.M. LLoyd-Jones escreveu. Isso não significa que você precisa concordar com ele em tudo e muito menos que estava sempre certo. Mas há muito valor no que deixou escrito aquele pastor britânico, que também era médico. Mesmo sendo amilenista, escreveu este livro de maneira tal que muito edifica o crente, seja qual posição escatológica adotar. Vale a pena ler!

O nosso lugar no mundo através do Velho Testamento

- Texto para reflexão:Então lhe foi entregue o livro do profeta Isaías; e abrindo-o, achou o lugar em que estava escrito (Lucas 4.17).

Você já parou para pensar que as histórias do VT são de importância fundamental para a formação da nossa consciência. As histórias do VT nos levam a aprender valores morais e a desenvolver capacidades sociais.
Elas nos ajudam a descobrir o nosso lugar no mundo e, na realidade, um lugar específico, no espaço e no tempo. Então nós não estamos aí soltos no espaço, que é a grande ameaça da cultura das drogas, porque as drogas são nada mais do que um “tapa-buraco” para o nosso comportamento.
As histórias do VT são transparentes e nos contam tudo o que acontece na vida. É fato que o Velho Testamento conta a vida profundamente dentro de si mesma. Por exemplo, o VT não esconde as falhas de Noé, o processo de falha no caráter de Caim, as fraquezas de Moisés, de Davi, de Salomão e de Josias. Ela não esconde a dor de Jeremias, de Ana, de Ezequias quando ficou doente…

Somos pó e cinza diante do criador

- Texto para reflexão:Todos vão para o mesmo lugar; todos procedem do pó e ao pó tornarão (Eclesiastes 3.20)

Salomão afirma no versículo 18 que os homens são provados por Deus para que vejam que são em si mesmos como os animais. Ele diz que o mesmo que sucede aos filhos dos homens sucede aos animais.
Assim como morrem os animais, assim também morrem os homens. Ele diz que os homens não têm nenhuma vantagem sobre os animais. E no versículo 20 Salomão afirma algo sério e que deve nos levar a pensar sobre o significado da estrutura humana: Todos vão para o mesmo lugar; todos procedem do pó e ao pó tornarão.
Salomão tem uma tese que ele desenvolve desde o primeiro capítulo de Eclesiastes, somos pó e a nossa vida é como um bafo. Tudo passa muito rápido. Nós voamos na vida e quando percebemos os anos já se passaram como a nuvem.
É claro que ele não quis dizer que somos menos do que os animais. Sua inquietação é que ambos são limitados e finitos e que a vida debaixo do sol tem os seus dias conta…

Vi e recomendo: Pride - O orgulho de uma nação

O filme é mais uma história inspiradora, que nos motiva a continuar tentando, mesmo quando o mundo nos empurra para baixo. Este filme nos mostra a trajetória de um homem que não desistiu de seu sonho, e mais do que isso, pôde mostrar a pessoas sem perspectivas que elas também poderiam ser mais do que o mundo dizia que elas seriam. Num dos bairros mais problemáticos da Filadéfia, nos Estados Unidos, um grupo de jovens prova que é possível mudar o destino de suas vidas sob o comando de um homem corajoso e cheio de esperança. Em plenos anos 70, um professor cria uma equipe de natação formada apenas por alunos negros de escola. Assim, ele muda a vida desses jovens e a sua para sempre. Baseado em fatos reais. Quem assistiu Coach Carter ou Duelo de Titãs com certeza gostará de PRIDE que segue mesma linha, trabalha com o tema perseverança e motivação. O filme é bem trabalhando e a historia é muito boa. Vale a pena conferir!

Encontro de pastoreio de famílias em abril

Vençamos os medos na vida

- Texto para reflexão:No amor não existe medo; antes, o verdadeiro amor lança fora o medo. Ora, o medo produz tormento; logo, aquele que teme não é aperfeiçoado no amor (I João 4.16-18).

Há três medos dos quais sofremos hoje:
1. O medo da morte.
2. O medo de nós mesmos.
3. O medo de não sermos reconhecidos pelos outros.
Por causa destes medos vivemos com muitas máscaras. E o fato é que vivemos na tentativa de escapar desses três medos, porque parece que eles ameaçam a nossa própria vida. É compreensível que tenhamos medo da morte, porque queremos continuar a vida. Na verdade, somos um pouco egoístas porque não conhecemos a realidade do céu, por isso, achamos ser boa a terra e queremos permanecer sempre por aqui.
Isto não é um problema porque quero crer que este instinto de continuar vivendo vem de Deus, mas, a nossa pátria é outra. A Escritura nos afirma que “a morte é o último inimigo” a ser vencido. E como ela tem o sentido de separação de nós mesmos é o pior inimigo que podemos enfrentar…

Ofertando a nossa vida para as pessoas

- Texto para reflexão:Consolai-vos, pois, uns aos outros e edifica-vosreciprocamente, como também estais fazendo (I Tess. 5.11).

Há uma canção profunda do grupo Vencedores por Cristo: A começar em mim.

“A começar em mim, quebra corações, pra que sejamos todos um, como tu és em nós. Onde há frieza que haja amor, onde há ódio, o perdão. Para que teu corpo cresça, sim. Rumo à perfeição”.

Esta letra nos convida para uma reflexão porque uma vez que nós entramos neste mundo, o amor de Deus se torna muito mais profundo e muito mais realista através dos relacionamentos entre pessoas. Então o que precisamos como cristãos é não só de termos mentes cristãs, mas termos uma consciência cristã dos relacionamentos.
Temos que perceber a necessidade da percepção de nosso ser social. Temos que entender a intenção de Deus, ele quer que sejamos seres relacionais. Ele quer que façamos no cotidiano o que Paulo exortou aos cristãos desta Carta: Consolação mútua e edificação recíproca.
A fé cristã é muito mais ho…

Venha o teu reino

O reino de Deus é o jeito que Deus deseja que seu povo viva.
A segunda súplica de Jesus é pela manifestação do seu reino: "Pai nosso que estás nos céus (…), venha a nós o teu reino (…), assim na terra como no céu". É a oração mais radical que um cristão pode fazer. O reino de Deus é o governo de Deus entre nós. Suplicar dizendo: "venha o teu reino" é invocar o Rei e seu governo sobre nós. Os cristãos do primeiro século entenderam a oração de Jesus e, ao suplicarem "Pai nosso, venha a nós o teu reino", todo o comportamento deles, não só pessoal, mas comunitário, foi transformado a partir desta nova realidade. Foram tomados pelo desejo de conhecer melhor a Deus e sua palavra, de viver em comunhão com os irmãos, abrindo suas casas para receber a nova comunidade do reino. Tinham profundo e sincero temor de Deus (submissão) e o poder do novo Rei se manifestava entre eles. Viviam de forma solidária suprindo as necessidades uns dos outros. Oravam, jejuavam, adora…

Pureza na vida

- Texto para reflexão:Conserva-te a ti mesmo puro (I Tm. 5.22b).

Há uma canção profunda de Paulo César Baruk: Jardim da Inocência. Ela mexe com o meu coração. E uma parte que quero chamar a atenção é:

“Ah ! que saudade. Que saudade de ouvir tua voz ao entardecer. Ah ! que vontade. Que vontade de voltar ao jardim da inocência. Se eu pudesse voltaria atrás e não faria novamente o que fiz. Troquei a minha comunhão, pela escuridão da noite. Em trevas tornei os meus dias”.

Paulo pede para que Timóteo cuide dele mesmo e não só cuide, mas que seja algo neste cuidado com pureza. Pois, Paulo sabia muito bem que sem santidade não haveria condições deste jovem pastor realizar um bom ministério diante de Deus e do rebanho. Ele deveria fazer isto visando a pureza diante de Deus, pois, assim, ele estaria com a sua consciência diante de Deus totalmente tranqüila.
A grande verdade é que se nós não cultivamos uma a vida espiritual com pureza, nós não somos dignos do Evangelho do Reino de Deus. E é claro q…

Michael Horton na IP Lapa

DATA: 28 de fevereiro
Horário: 18:00 horas
Michael Horton é professor no Seminário Teológico Reformado, Orlando-Flórida e editor da revista Modern Reformation. Autor do livro “O Cristão e a Cultura”, de Michael Horton, publicado pela Cultura Cristã. Ele também escreveu os livros: Creio; Crer e observar; O cristão e a Cultura; A igreja no mundo; Cristo o Senhor; As doutrinas da maravilhosa graça; A face de Deus; A lei da perfeita liberdade; Reforma hoje; Um Caminho Melhor e Sola Scriptura . Vocês estão convidados para este tempo de aprendizado nas Escrituras.
______________________________
IGREJA PRESBITERIANA DA LAPA
R. Roma, 465
e-mail: iplapa@uol.com.br
Site: www.iplapa.org.br
São Paulo - SP

Praticando a Presença de Deus

De Irmão Lawrence & Frank Laubach
Como Alcançar a Vida Cristã Profunda.

Se você deseja conhecer o Senhor de um modo mais profundo, este livro é um convite para juntar-se aos muitos cristãos que leram este livro mais do que qualquer outro - com exceção das escrituras - como meio de iniciar uma jornada para as profundezas de Cristo.
Imagine um livro de 300 anos de idade, que nunca deixou de ser publicado! É o caso deste livro. Com exceção de O Peregrino, é provável que nenhuma outra obra da literatura cristã tenha passado tão bem pelo teste dos séculos. Estima-se que mais de 22 milhões de exemplares foram publicados somente na língua inglesa. No Brasil a primeira edição se esgotou e levou o editor a revisá-la e reeditá-la. A grandeza, a profundidade e a beleza desta obra-prima do Irmão Lawrence ganham vida novamente!
Não somente as cartas do Irmão Lawrence - do século XVII - foram incluídas nesta edição, mas também as de Frank Laubach - do século XX - que, como o Irmão Lawrence, escreve…

Precisamos de pessoas

- Texto para reflexão:A palavra de Cristo habite em vós ricamente, em toda a sabedoria; ensinai-vos e admoestai-vos uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, louvando a Deus com gratidão em vossos corações. E tudo quanto fizerdes por palavras ou por obras, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai (Col. 3.16).
Por que precisamos das pessoas? Esta é uma pergunta muito marcante durante a própria história da igreja. A resposta é que sem elas não podemos viver. Sem uma pessoa ao meu lado eu não consigo tornar os meus sonhos em realidade. Pois, a nossa identidade e o nosso sentido pertencem aos relacionamentos numa comunidade. Nós todos precisamos de uma igreja, uma família, um círculo de amigos, pois, é nestes espaços ue acontece a nossa transformação e edificação como ser humano. O fato é que amando ou não precisamos das pessoas. Pessoas que não precisam de outras pessoas não amam, não desfrutam da graça da relação com o outro. Quando nos achamos perd…

Contemplando o Deus da vida

- Texto da reflexão:Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus; sou exaltado entre as nações, sou exaltado na terra (Salmo 46.10).
Há um poema de Walt Whitman Canto a mim mesmo e há uma frase em que ele diz: Deito-me e descanso tranquilamente, observando uma haste da relva de verão. Quero crer que esta é uma ótima e preciosa maneira de começarmos a contemplar o Deus da vida. No meio de tantas correrias e agendas loucas que vivemos qual é o tempo que paramos e descansamos tranquilamente num espaço para ouvir Deus? O texto do Salmo 46.10 é um convite para a oração. A oração na verdade surge do tempo em que aquietamos o nosso coração na presença do Deus da vida e da graça. Este espaço de contemplação é uma grande fuga da sociedade tecnológica, na qual os meios de comunicação e significação tornaram-se fabulosamente versáteis e estão à beira de um desenvolvimento ainda mais profundo. É no meio deste lugar tão agitado que precisamos de um espaço onde não temos nada para dizer, não temos nada para …

AS FLECHAS DA VIDA

- Texto para reflexão:Porque quando sou fraco, então é que sou forte (II Co 12:10b).
Após a correria típica do final de ano, com suas atividades intensas e muitas vezes caóticas, fiquei imaginando que teria um inicio de ano tranqüilo e calmo.
Se não fosse por conta de um gesto de intenso amor de um casal muito precioso e amigo, que nos proporcionou uns rápidos mais preciosos dias de descanso, sinto que talvez me faltasse forças para “retomar” o que na verdade não havia sido parado, nem interrompido.
Além das tragédias que se abateram pela chegada das águas que insistem em não parar de cair, destruindo não somente casas e outras construções, mas, roubando sonhos e vidas de muitas famílias; além da tragédia que chegou aqui (pela vida de nossos soldados que tombaram ou foram esmagados pelos escombros) e que abateu alguns milhares de pessoas no Haiti, tornando órfãos da vida e de esperança inúmeras pessoas (além da miséria social, política e econômica, o Haiti possui um nível assustador de o…

Olhemos para Deus no meio das crises da vida

- Texto para reflexão:Em me vindo o temor, hei de confiar em ti (Salmo 56.5).

Conhecemos muito bem a história de Helen Keller perdeu a habilidade de ver, ouvir e falar ainda muito nova, mas ela não perdeu o dom de inspirar a vida das pessoas. Em seus muitos livros e através de um tour mundial com o objetivo de promover a educação de pessoas com os mesmos problemas, ela falou eloqüentemente sobre o tipo de escuridão que invade o coração e a mente daqueles que enxergam. Ela afirmou:

“Na verdade eu já olhei no fundo do coração das trevas, e recusei-me render à sua influência paralisante, mas no espírito ando na luz da manhã. E se toda a escuridão que desencoraja o sentimento da mente humana passar por mim como folhas secas do outono? Outros pés viajaram pela estrada antes de mim, e eu sei que o deserto leva a Deus, bem como a campos refrescantes e pomares frutíferos. Eu também, tendo sido profundamente humilhada, percebi a minha pequenez em meio à criação. Quanto mais eu aprendo, vejo que …

Leituras no mês de janeiro de 2010

PIPER, John. O que Jesus espera de seus seguidores. São Paulo: Vida, 2009. Depois de sua contribuição à Igreja com uma bem-vinda Teologia da Alegria, o autor leva-nos a considerar o fato de que Cristo tinha um projeto para os seus seguidores. De fato, a fé cristã é uma proposta de vida. Fazemos bem em considerar o fato de que, Independentemente da missão geral da Igreja, cada cristão tem uma missão pessoal: a de satisfazer uma expectativa de quanto Jesus aos seus discípulos. Contém 430 páginas.

KENDRICK, Stephen & Alex. O Desafio de Amar. Rio de Janeiro: BV FILMS EDITORA, 2009. O Desafio de Amar é um desafio de 40 dias para maridos e esposas que desejam entender e praticar o amor incondicional. Independente de como esteja o seu casamento, ameaçado ou saudável, O Desafio de Amar é uma estrada que precisa ser seguida. É hora de descobrir os segredos de um casamento cheio de vida e da verdadeira intimidade. Aceite o desafio! Contém 214 páginas.

OSTEEN, Joel. O que ha de melhor em você.…