Tomando a nossa cruz

- Texto para reflexão: Então, convocando a multidão e juntamente os seus discípulos, disse-lhes: Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me. (Mc. 8.34).
Seguir a Jesus não nos parece um mar de rosas. Seguir a Jesus não nos parece uma vida de absoluta tranqüilidade. Não, seguir a Jesus, implica em trabalhar com a dor todos os dias da nossa vida.
A dor da experiência da vida tem que fazer parte da vida do cristão que toma a sua cruz. Somos integrados nesta dor. É a dor de sofrer por causa da renúncia dos prazeres da nossa carne. É a dor de sofrer por causa da fidelidade ao nome de Jesus. É a dor de carregar a cruz da renúncia do nosso ego, do nosso orgulho e presunção.
Quando Jesus diz para carregarmos a nossa cruz, ele nos encoraja a reconhecer e abraçar o nosso sofrimento por causa do seu nome. Então, tomar a cruz, é antes de tudo, conviver com as dores permitindo que elas mostrem a verdade do Evangelho do nosso Senhor.
Há muita dor e sofrimento no mundo. Mas, a maior dor de suportar é a nossa própria, a dor da luta pela causa do Reino. É nesta dor que Jesus diz que devemos andar carregando a nossa cruz. Assim, com certeza, poderemos desfrutar de uma alegria plena e satisfatória em nome de Jesus. Porque carregaremos a cruz que nos conduz ao triunfo e vitória naquele que um dia carregou a cruz da nossa redenção.
___________
Alcindo Almeida

Comentários

Postagens mais visitadas