Morre designer agredido....em livraria de São Paulo

O designer Henrique de Carvalho Pereira, 22 anos, agredido com um taco de beisebol dentro da Livraria Cultura do Conjunto Nacional, Zona Sul de São Paulo, em dezembro do ano passado, morreu na madrugada desta sexta-feira no HC (Hospital das Clínicas) de São Paulo.
Segundo a família de Pereira, o estado de saúde do jovem havia piorado nos últimos dias. Ele estava internado há dez meses no HC, onde foi socorrido após receber diversos golpes na cabeça com um taco de beisebol do personal trainer Alessandre Fernando Aleixo, 38 anos.
O agressor foi preso e autuado em flagrante por tentativa de homicídio. Em agosto, a Justiça determinou que ele fosse internado em um manicômio. O enterro será realizado no Cemitério do Cristo Redentor, em Santo André.
Fiquei pensando sobre isso hoje e no depoimento da sua tia Claudia: Depois de dez meses na UTI tinhamos esperança de vê-lo bem de novo.
O que será que se passa no coração e na mente destes familiares que perderam um menino tão novo e com tantos projetos na vida?
Acredito que precisamos pedir a Deus que nos dê graça e tenha misericórdia de nós para vivermos na terra. Porque estamos no meio da loucura humana, da violência urbana, dos caras que se drogam, das pessoas que estão cada vez mais brutais e insensíveis.
A nossa oração é a mesma do cego de Jericó: Filho de Davi, tem misericórdia de nós!

Alcindo Almeida

Comentários

Postagens mais visitadas