Um líder que faz a diferença

“Os reis não toleram o mal porque o que torna forte um governo é a justiça” (Pv 16:12)

Líderes são pessoas que podem exercer influencia sobre a vida e o comportamento das pessoas. Pode-se discutir sobre lideres ou liderança como um conceito relacionado a uma posição que se ocupa. Essa liderança pode ser fruto de traços da personalidade de uma pessoa, e, estes traços ou características, aparentemente, qualificam essa pessoa para uma função.
Pode dizer respeito também a estilos, postura ou comportamento que acabam por gerar, voluntaria ou propositalmente, uma situação de liderança. E esta situação contingencial pode, inclusive, influenciar no comportamento, postura e até escolhas desse possível ou potencial líder.
Na vida podemos ser chamados a exercer uma liderança. Ela pode ser pontual, circunstancial, ou fazer parte de um projeto profissional. Mas, se essa é uma condição que podemos vir a ocupar, exercer ou até desejar, penso que é preciso fazer algumas perguntas e observações que são importantes:
 
I – ESTABELEÇA UM PADRÃO DE INTEGRIDADE

Quando você falha em sua postura como líder em comando, sua organização, sua família, aqueles que você lidera se sentirão livres para agir sob suas conveniências.
Além disso, se eu tenho que ter integridade em minha liderança, eu tenho que ter integridade na minha vida. Fala-se muito em ética nos negócios, mas se esquece de que ética acontece nas pessoas, e os negócios apenas irão refleti-la.
Por isso, comece liderando você mesmo. Não tende mudar, liderar outras pessoas, antes de fazer isso com você mesmo. A liderança não começa com os outros, e sim consigo mesmo.
“O maior líder não é aquele que é capaz de governar o mundo, mas aquele que é capaz de governar a si mesmo. Alguns realizam com grande habilidade suas tarefas profissionais, mas não têm habilidade para construir relacionamentos profundos, abertos, flexíveis e desprovidos de suas angústias e ansiedades”. (Augusto Cury, em “O Mestre dos Mestres”, Ed Academia da Inteligência, pág 65).
Os relacionamentos são dificultados ou quebrados pela inabilidade dos envolvidos em relacionarem-se em verdade uns com os outros. Sem um processo de transparência e clareza, até mesmo desempenhos medíocres são tolerados, impedindo que todos exerçam seu potencial.
 
II– DEMONSTRE UM INTERESSE GENUÍNO PELAS PESSOAS

Será que em meus relacionamentos, em minha vida, em minha forma de liderar, eu tenho interesse genuíno nas pessoas? Será que eu tenho um coração para erguer as pessoas? Para ajudar as pessoas? Para acrescentar-lhes valores?
Quando estamos diante de momentos de liderança ou ocupamos lugar de liderança, nosso conhecimento deve ser usado para abençoar pessoas, e não para usar as pessoas. Isso é uma grande responsabilidade.
“Liderança é a disciplina de deliberadamente exercer influência dentro de um grupo para levá-lo a alvos de benefício permanente, que satisfaz as necessidades do grupo”. John Haggai (citado por Russel P. Shedd em “O Líder que Deus usa”, Ed Vida Nova, pág 11).
A.Cohen (bilionário americano) disse certa vez: “Liderar é a arte de influenciar pessoas, levando-as ao seu desempenho máximo para realizar uma tarefa, objetivo ou proveito”.
Se você quiser agregar valor às pessoas, valorize-as. Influencie-as.
 
III– TENHA UM COMPROMISSO DE CRESCER

À medida que eu cresço, outros crescerão. À medida que eu mude, outros mudarão. Será que eu sou um líder digno de ser seguido? Se eu não me seguiria, por que outros me seguirão?
Será que as pessoas podem confiar em você? Você não vai violar a confiança delas?
Assuma um compromisso de crescer.
O que você tem feito para investir em você mesmo? Em crescer?
Você tem um plano de crescimento? É preciso ser intencional com isso.
Encontre as coisas que você faz bem, tem talento, tem dom, porque são nessas áreas que você deve crescer.
Concluindo,
Alguém disse que “Quem caminha sozinho pode até chegar mais rápido, mas aquele que vai acompanhado com certeza chegará mais longe...”
Motive. Estimule outros. Abençoe pessoas.
Não se acomode na linha da mediocridade. Deseje crescer. Busque a excelência naquilo que você faz. Saiba: “A excelência honra a Deus e inspira as pessoas”. Bill Hybels (em “Axiomas”).
Deseje que sua vida honre seu nome; honre aqueles que você ama e, acima de tudo, honre a Deus.
Que Deus o abençoe rica e abundantemente,
Em Cristo,
______________
Rev. Hilder C Stutz
Assim é que um modelo com ações dúbias encoraja seguidores a dar “jeitinhos” e serem “hipócritas”, tornando seus comportamentos inapropriados, e suas atitudes em uma farsa.

Comentários

Postagens mais visitadas