Não podemos ficar sozinhos - Gênesis 2.18-20

O texto diz: E o Eterno disse: Não é bom que o homem fique sozinho. Farei alguém que o ajude e faça companhia a ele. 
Percebemos que o homem exerce o domínio absoluto na criação e ele tem a função de dar nome ao gado, aos pássaros do céu e aos animais selvagens. Ele realiza todas as funções importantes como um representante do pacto feito pelo Criador. Mas, o texto sagrado diz que ele não encontrou nenhum ser vivo que pudesse ser sua companheira. Moisés revela a natural solidão do homem e a sua insatisfação por estar só. Embora muito se fizesse por ele, ainda estava consciente de uma falta. O Criador amado ainda não terminara o projeto na sua plenitude. Ele tinha planos de preparar uma companheira que pudesse satisfazer os anseios do coração do homem. 
Criado para a comunhão e o companheirismo, o homem só poderia desfrutar inteiramente da vida se partilhasse do amor, da confiança e da devoção no íntimo círculo do relacionamento familiar. Deus tornou possível esse projeto para que o homem tivesse uma amiga idônea. Deus literalmente preparou uma auxiliadora que o atenderia. Ela teria de partilhar das responsabilidades do homem, corresponder à natureza dele com amor e compreensão, e cooperar de todo o coração com ele na execução do plano de Deus. 
Que alegria para nós homens termos a parte que nos completa, que nos torna pessoas inteiras. Ele mandou a mulher para dividir os espaços em nós que estavam vazios e solitários e com ela crescemos como pessoas refletindo a comunhão da Trindade. Louvado seja o arquiteto divino! (Alcindo Almeida).

Comentários

Postagens mais visitadas