Prossiga no alvo da vida

Quando olhamos para o grande Michelangelo vemos que ele se entregou para a arte e é, por isso, que nos lembramos dele quinhentos anos depois da sua morte. Beethoven e Bach também se dedicaram completamente ao seu trabalho e a música deles, viverá para sempre. Alexander Graham Bell acreditava que o som poderia ser transformado em impulsos elétricos e transmitido por intermédio do fio elétrico. Ninguém lembra das pessoas que achavam que Bell era louco; lembramos apenas do homem que acreditava que era possível criar o telefone. Thomas Edison passava oito ou nove dias trancado em uma sala trabalhando nas suas experimentações. Ele tinha um sonho. E, apesar de muitos equívocos, descobriu a lâmpada. Embora levasse muito tempo, ele acreditava que a energia elétrica poderia produzir luz. Porque acreditava nessa possibilidade, ele continuou tentando até que viu o cumprimento da sua visão. É isso que o tornou inesquecível.
Às vezes, pensamos que não podemos somar para a vida, mas podemos, sim, podemos. Todos temos sonhos e desejos na vida. Enquanto há fôlego devemos sonhar, sonhar e sonhar. Quando estava no Seminário tinha o desejo de escrever livros, mas não tinha abertura em nenhuma editora, comecei meus projetos e sonhava todos os dias em lançar meu primeiro livro. Mandei para 51 editoras e todas responderam não. Até que um dia, uma Editora disse sim. E assim pela graça foi editado meu primeiro trabalho e hoje já tenho 22 livros editados e caminhando para livro número 23 pela graça do Eterno Deus. 
Prossiga nos alvos na vida, prossiga com gana, com garra sabendo que Deus estará ao seu lado em todos os momentos da vida. Ele o ajudará guiando seus passos e fortalecendo sua caminhada e animando seu coração. Como diz o Salmo 37.5: Entregue seu caminho a ele, confie na sua graça e sustento da parte dele. Ele fará o melhor para sua vida e caminhada.

Oração: Deus obrigado porque podemos sonhar e todos planos acontecem conforme tua vontade e direção. Obrigado porque tu dás a nós o desejo de prosseguir na jornada da vida (Alcindo Almeida).

Comentários

Postagens mais visitadas