O ser divino revelando a si mesmo

O caráter distintivo da forma "evangelho" é que ela traz os séculos de histórias hebraicas — Deus fazendo o seu relato da criação e salvação por intermédio de seu povo — para dentro do relato sobre Jesus, a consumação madura de todas as histórias, de uma forma que é claramente uma revelação — ou seja, o ser divino revelando a si mesmo (e que convida, mais do que isso, insiste) em nossa participação (Eugene Peterson).

Comentários

Postagens mais visitadas