Deus nos deu um presente: a eternidade no coração


- Texto para reflexão: Tudo fez Deus formoso no seu devido tempo, também pôs a eternidade no coração do homem, sem que ele descubra as obras que Deus fez desde o principio até o fim (Eclesiastes 3.11).

Há uma frase de um filósofo brasileiro chamado Marques de Maricá que disse algo profundo:

“A criatura sensível e inteligente, que chegou a adorar, amar e admirar a Deus, não pode ser inteiramente mortal: há nela alguma coisa de divino que sobrevive à mesma morte” (KIVITZ, Ed René. O livro mais mal humorado da Bíblia. São Paulo: Mundo Cristão, 2009, p.57).

Deus fez tudo de maneira absolutamente perfeita. Aquilo que chamamos de belo na criação com toda certeza podemos atribuir a Deus. Todos os ciclos e estações da vida humana e na natureza procedem de Deus.
E algo extraordinário que Deus fez e nos deu é o fato de termos a eternidade no nosso coração. Deus colocou o desejo em nós para descobrir as coisas. Deus colocou em nós o desejo pela vida, pelo trabalho e para construirmos algo na vida.
A morte física faz parte da nossa estrutura, porém a espiritual jamais. A essência nossa como ser humano contraria a morte. Neste corpo estamos presos de certa forma ao tempo que avança todos os dias. Mas, na eternidade que Deus pôs no nosso coração não seres afetados pelo “cronos” não teremos limites de tempo, envelhecimento, porque estaremos na eternidade com Cristo.
Então a eternidade é a antítese da morte. A morte não reinará mais na eternidade. Viveremos para todo sempre na comunhão com a Trindade por meio da pessoa do Filho.
Qual a implicação da eternidade no nosso coração?

- Não ficaremos separados do criador:
Algo que é substancial para nós e relevante é que Deus não nos deixará jamais separados dele. Temos uma eternidade que não será tirada de nós, mesmo com a separação física.
Os eleitos de Deus não terão a morte espiritual; por isso, não terão a separação da comunhão com o criador. Louvado seja o eterno Deus que nos deu este presente precioso.


- Teremos um lugar para habitar para sempre:
Este presente traz benefícios extraordinários para nós. Deus nos preparará um repouso como o escritor aos Hebreus nos fala no capítulo 4.11. Esta eternidade gera algo de especial.
Habitaremos para sempre com o Senhor e cantaremos um cântico ao Cordeiro de Deus na eternidade. Teremos o retorno do Éden em nosso coração. Estaremos no paraíso com o criador para sempre.
Bendito seja Deus por este presente em nossa vida!

______________

Alcindo Almeida

Comentários

Postagens mais visitadas