Leituras em janeiro de 2017


1. EGGERICHS, Emerson. Amor e respeito. São Paulo: Mundo Cristão, 2008. Psicólogos hoje afirmam o que a sabedoria bíblica já havia estabelecido há milênios: o relacionamento homem-mulher somente ocorre de modo saudável quando ele a ama, e ela o respeita. A relação entre a necessidade de amor e de respeito no relacionamento conjugal tem tudo a ver com o tipo de casamento que você terá. E à medida que ambos teimam em desrespeitar essa lei básica da convivência do casal, dão vazão ao que Emerson Eggerichs denomina ciclo insano, que, sem dó nem piedade, destrói a harmonia conjugal. A simplicidade da argumentação do autor surpreende e tem cativado centenas de milhares de pessoas em vários países que atestam sua eficácia: quando o marido se sente desrespeitado, é especialmente difícil para ele amar a esposa. Quando a esposa não se sente amada, é especialmente difícil para ela respeitar o marido. Descubra como colocar em prática a mensagem de Amor e respeito e experimente o conselho do sábio Salomão: "Desfrute a vida com a mulher a quem você ama". Contém 314 páginas.

2. FRANCESCO, Jean. Namoro – um ensaio para o casamento. São Paulo: Editora Peniel, 2016. O jovem e brilhante pastor Jean trabalha a necessidade de sondar os detalhes para um futuro casamento. Ele trata o namoro como algo santo e preparatório para o casamento. Ele chama a atenção através das suas experiências, que não podemos ser descartáveis nos relacionamentos. E precisamos ensinar a geração atual os princípios divinos na Palavra para eles terem bons casamentos. Vale a pena ler esse ótimo livro de Jean! Contém 166 páginas.

3. NOUWEN, Henri. A formação espiritual. Rio de Janeiro: Vozes, 2012. Em A Formação Espiritual, Nouwen nos aconselha muito sabiamente como experimentar os cinco estágios clássicos do desenvolvimento espiritual, nos apresenta a atividade da visão divina que nos ajuda a focar e guiar nossas orações, nos revela muito sabiamente como ir da cabeça para o coração e viver neste lugar habitado por Deus. Este livro representa a consolidação das disciplinas clássicas, dos estágios tradicionais e dos movimentos espirituais em uma dinâmica jornada de fé que requer reflexões diárias e práticas intencionais. Assim, ele é adequado para processos de reflexões individuais e de pequenos grupos. Contém 223 páginas.

4. LISBOA, Antonio. Vencendo conflitos no casamento. Goiânia: Excelência Editora, 2010. Seu casamento não será mais um nas estatísticas dos divórcios. Seu relacionamento conjugal ganhará uma nova dimensão de satisfação e felicidade. A ideia do livro é fornecer ferramentas para um casamento ser cada vez mais sólido e pautado pelos princípios das Escrituras Sagradas. O grande problema no livro é a sucessão de erros e repetição dos textos. Contém 169 páginas.

5. PACKER, J. I. Força na fraqueza. São Paulo: Vida Nova, 2015. Nesta obra o renomado J. I. Packer reflete sobre sua experiência com a fraqueza, tendo sido atropelado por um caminhão quando ainda era muito jovem e agora encarando a realidade do envelhecimento. Por meio dessa reflexão, Packer quer nos ensinar a importância de aceitar nossa própria fragilidade, ajudando-nos também a buscar forças, afirmação e contentamento somente em Cristo. Encontre aqui a trajetória que vai do desânimo à liberdade, tendo em vista o nosso Deus todo-poderoso. Contém 112 páginas.

6. KOSTENBERGER, Andreas e David Jones. Deus, casamento e família. São Paulo: Vida Nova, 2011. Tivemos uma crise no que diz respeito ao casamento e à família e somente com um retorno ao fundamento das Escrituras poderemos ter a esperança de recuperar essas instituições. A fim de fornecer um tratamento bíblico e integrado desses temas, os autores examinam o que a Bíblia diz sobre os propósitos que Deus tem para homem e mulher tanto no casamento quanto na vida familiar. Essa análise abrange tópicos como casamento, criação de filhos, solteirismo, homossexualidade, divórcio, novo casamento, contracepção, aborto, o papel de cada sexo e liderança no lar. Portanto, este livro é essencial para todos que buscam uma visão bíblica e uma resposta para os complexos desafios que nossa cultura lança às intenções de Deus para o casamento e a família. Contém 327 páginas.

7.  OSTEEN, Joel. A hora é agora. São Paulo: Larousse, 2010. Este é um livro sobre a fé. Não importa o rumo de seus sonhos, nem quantos obstáculos terá de vencer: Você está mais perto do que pensa. Em tempos adversos, pode ser difícil enxergar dias melhores pela frente. Ainda assim, agora não é o momento de desistir de suas metas e sonhos. Aumente suas esperanças. Eleve as expectativas. Seus melhores dias estão diante de você. Contém 317 páginas.


8. SITA, Mauricio. Ser mais com equipes de alto desempenho. São Paulo: Editora Ser Mais, 2012. As organizações à frente da concorrência sabem como desenvolver e manter equipes capazes de produzir com qualidade. Entendem que o sucesso depende de um bom trabalho com os líderes de cada área. O investimento em treinamentos, na melhora do clima organizacional e em benefícios têm resultado aquém do esperado quando os integrantes do grupo não estão preparados para os desafios diários. O mundo corporativo demanda diversas características dos colaboradores, mas uma das mais importantes é saber relacionar-se. Os gestores precisam saber lidar com diferentes tipos de pessoas e garantir que objetivos sejam atingidos, independentemente do perfil de cada subordinado. É uma missão contínua, com processos, horas de feedback e muito suor. O livro Ser+ com Equipes de Alto Desempenho traz ferramentas vencedoras para inspirar o trabalho das lideranças nas empresas. Reúne as dicas de grandes especialistas que conseguiram alcançar o topo ao motivar, instruir e cativar equipes rumo à alta performance. Contém 375 páginas.

9. BURKE, John. O barro e a obra prima. São Paulo: Editora Vida, 2015. John Burke compartilha lições extraídas de cada encontro que Jesus teve na terra, desafiando-nos a avaliar se as nossas atitudes e ações se assemelham a Jesus ou aos fariseus quando deparamos com os perdidos. Burke ajuda os seguidores de Cristo a se prepararem em atitude e ação para se tornarem obras-primas de Deus e para restaurarem o mundo perdido ao redor deles –– exatamente como Jesus fez. Contém 454 páginas.

Comentários

Postagens mais visitadas