Obrigado Deus pela vida dos bombeiros

Ontem vi uma cena que nunca mais me esquecerei...Um bebê de seis meses foi salvo por volta das 20h30 da quarta-feira (12) dos escombros no centro de Nova Friburgo. Os bombeiros que trabalharam no resgate ficaram bastante emocionados e vibraram bastante quando conseguiram retirar o bebê, um menino, sem arranhões. O pequeno Nicolas estava vestido com apenas uma blusa e não chorou em nenhum momento. As palavras de Ademilson Guimarães, avô do bebê foram: “Agradeço a Deus, isso é um milagre”. Nós olhamos e percebemos o quanto aquele homem estava emocionado. Depois de 30 minutos os bombeiros conseguiram resgatar também com vida o pai de Nicolas, Wellington da Silva Guimarães, de 25 anos. Segundo os bombeiros, ele ficou cerca de 15 horas soterrado, abraçado ao filho.
Quando ouvimos o capitão Leonard, oficial médico do Corpo de Bombeiros, ele disse que o resgate foi possível graças a experiência da equipe. Suas palavras foram: “Esse resgate foi emocionante e se deve à equipe altamente qualificada que atuou no Bumba e no Haiti”.
Fiquei pensando e chorei muito ao pensar e agradecer a Deus pela vida destes homens que dão duro no trabalho de salvar vidas.
Pensei que nós somos os bombeiros do gerente celestial. Somos estes instrumentos de salvar vida para o Reino. Somos as pessoas que entram nos escombros do pecado para tirar dente de lá. Que coisa linda ver o pequeno bebê e seu pai salvos. Emociona o coração da gente, assim como é ver gente salva para o Evangelho de Jesus de Nazaré.
Eu orei assim hoje pela manhã: Deus bendito, obrigado pela vida deste soldados da vida, que lutam pela vida. Abençoa-os na tua infinita graça e obrigado pela vida do pequeno Nicolas e de seu pai Ademilson. ?Usa-nos nas tuas mãos para que sejamos os bombeiros da graça e do amor para com as pessoas que estão nos escombros da vida e do coração.

_____________
Alcindo Almeida

Comentários

Postagens mais visitadas