Leituras em dezembro de 2014

KELLER, Timtoy. Ego Transformado - A humildade que brota do evangelho e traz a verdadeira alegria. São Paulo: Vida Nova, 2014. Neste livro breve e contundente, Keller mostra que a humildade que brota do evangelho torna possível pararmos de vincular cada experiência e cada conversa com a nossa história e com quem somos. E assim podemos ficar libertos da autocondenação. Quem é realmente humilde segundo o evangelho não se odeia, mas também não se ama, é, antes, alguém que se esquece de si mesmo. Você também pode conquistar essa liberdade. Contém 48 páginas.

ORTBERG, John. Quem é este homem? - O impacto imprevisível de Jesus. São Paulo: Vida, 2012. Em Quem é este homem? Ortberg mostra como a influência de Jesus varreu a história, trazendo inspiração às áreas da cultura tais como a arte, ciência, política, medicina e educação. O autor também revela como a visão de Jesus sobre como levarmos uma vida com dignidade, compaixão, perdão e esperança continua a inspirar e a desafiar a humanidade de hoje. Contém 312 páginas.

MCGRATH, Alister. O Deus desconhecido. São Paulo: Loyola, 2001. Você já parou e perguntou o que a vida significa? O que é a vida afinal? Há algum modo de alcançar a realização espiritual? Desde o início dos tempos, as pessoas se fazem essas perguntas. Algumas buscam resposta nas estrelas; outras se inclinam para a religião; há também os que sustentam que toda busca espiritual é inútil. Em O Deus Desconhecido, Alister McGrath explora a razão da busca de sentido e de realização pessoal que move todas as pessoas. O que isso quer dizer? Para onde isso aponta? Em que isso pode ajudar a busca de clareza espiritual? Escrito por um dos maiores autores cristãos da atualidade, este livro tocará o interior de todos os que almejam alcançar a paz interior, a esperança e a realização plena que o cristianismo tem a oferecer. Contém 123 páginas.

HOVESTOL, Tom. A neurose da religião. São Paulo: Hagnos, 2009. Focamos os fariseus como personagens negativos. Ao proceder desse modo, perdemos o benefício prático da intenção de Deus ao nos revelar muito a respeito deles. Neste livro, o autor examina os fariseus. Ao explorar as raízes históricas e bíblicas desse grupo, ele descobre verdades profundas que alertam os cristãos a evitarem esse caminho desastroso. Podemos ser os fariseus de hoje, e muito mais do que gostaríamos de admitir! Contém 254 páginas.

PARANAGUÁ, Glenio Fonseca. Além, muito além do jardim Paraná: Editora Ide, 2014. O autor procura abordar o tema com objetividade, a fim de encontrar o remédio que cure essa chaga cancerosa, a mágoa, uma vez que ela pode nos manter prisioneiros dos sentimentos cruéis de um coração amargurado, às vezes, mesmo que até, aparentemos sadios. Contém 76 páginas.


GRUN, Anselm. Jesus como terapeuta. O poder curador das palavras. Rio de Janeiro: Vozes, 2012Para além de suas ações e seus milagres, encontramos a sabedoria terapêutica de Jesus também em suas palavras, que não são precipuamente moralizadoras, mas palavras que curam. Mesmo quando Jesus não conta parábolas ou histórias, ele se dirige às pessoas de forma que suas palavras abrem nossos olhos para a verdade da nossa vida. Assim, ele procura nos levar a outro nível: a um nível onde as palavras nocivas de outras pessoas não mais nos atingem e onde nós podemos nos sentir como pessoas acolhidas em Deus. Grün escreve este livro para todos que acompanham outros em seu caminho espiritual. Pois esses profissionais também podem aprender com os métodos terapêuticos de Jesus. Contém 208 páginas.

Comentários

Postagens mais visitadas