Quando conhecemos a Deus

Lendo As confissões de Agostinho, vemos que ele explora a consciência dos seus pecados sempre. Ele reconhece que a necessidade é conhecer a consciência interna na presença de Deus. Ele  ensina a conhecer os caminhos internos na presença de Deus. E o propósito é nos conhecer à medida que conhecemos a Deus. Não dá para conhecer a Deus sem nos conhecer. Quando conhecemos a Deus, conhecemos a nós mesmos. A vida com Deus de maneira interna nos leva para dentro da alma. Como precisamos nos conhecer e perceber que há uma necessidade de ver o quanto somos pecadores e o quanto precisamos da graça divina em nós (Alcindo Almeida).

 

Comentários

Postagens mais visitadas