Jean Vanier no seu livro O despertar do ser diz algo significativo:

“A comunhão está no âmago do mistério da nossa humanidade. Ela significa aceitar a presença do outro dentro de si e também aceitar o chamado recíproco para entrar dentro do outro. A comunhão implica a segurança e a insegurança da confiança , é uma luta constante contra todos os poderes do medo e do egoísmo dentro de nós” (VANIER, 2002, p. 35).

Comentários

Postagens mais visitadas