Cristo é o Senhor e quer que tenhamos verdadeira lealdade


- Texto para reflexão: ”Mas, vem a hora e já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão ao Pai de maneira leal, porque são estes que o Pai procura para seus adoradores”(João 4.23).

Que alegria para o nosso coração, pois o texto de João 4.23 diz que a hora já chegou. A hora dos adoradores terem acesso ao Senhor dos Senhores em submissão já chegou, é uma realidade notória. Mas, quando andamos na observação do texto percebemos que a pergunta não é como adorar’, e sim onde deve-se adorar. Há uma expressão para a mesma palavra.
A resposta na língua portuguesa é: Espírito e verdade. Isso é uma metáfora trabalhada por Jesus Cristo. Há no texto duas palavras como uma expressão, que na verdade quer dizer verdadeira lealdade. A segunda palavra é um adjetivo da outra. Há uma primeira preposição, mas não uma segunda na língua original. Então a tradução é um espírito verdadeiro.
Quando andamos no texto de João 4 percebemos um drama. Há um progresso na história entre Jesus e a mulher. Ela estava na leitura literalista sobre adoração e Jesus estava usando metáforas. Ele diz que é maior que Jacó. Ele mostra no texto que é o Senhor, que é o verdadeiro sentido da adoração do ser humano. Ele mostra que não tem como andarmos com ele sem verdadeira lealdade e sinceridade. Por quê?
Porque ele conhece todas as coisas, tanto é que pede para ela trazer seu marido. E ela vê que ele é Senhor mesmo porque quando responde a ele que não tem marido, ele responde que não tem mesmo. E afirma que ela teve cinco maridos e o que estava com ela não era o seu. Imediatamente e ela vê que ele é profeta. E então vem a pergunta: onde? Aqui em Samaria ou em Jerusalém?
Jesus mostra a ela que nem lá e nem cá, mas no verdadeiro espírito. E Jesus diz que Deus está à procura desse estilo de adoradores. Ele fala da necessidade do ser humano reconhecer o seu senhorio em adoração sincera. Ele quer que nós sejamos sinceros no serviço e reconhecimento de quem ele é. Ele quer que nós dependamos dele de maneira sincera e leal. Isso é adoração ao Senhor dos Senhores.
O texto fala que a mulher esperava pelo profeta que viria e Jesus diz que é este que todos esperavam. A palavra toca o coração daquela mulher e então ela anuncia para todos o que ouviu acerca deste profeta Jesus.
Ela se prostra de maneira sincera diante do profeta de Deus. Que ele nos ensine esse estilo de rendição!

Pr. Alcindo Almeida.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Emoção X Razão: Mulheres agem de forma emocional, homens se comportam racionalmente

Estudo 26: A mulher sunamita: generosa e hospitaleira - (II Reis 4.8-37)

Homenagem na Betsaida