A necessidade de valorizar o seu líder - (II Samuel 21-15-17)

Eu li mais uma das histórias de Davi. O texto diz que houve uma peleja de Israel contra os filisteus e nesse dia Davi desceu e com ele os seus servos e tanto pelejaram contra os filisteus, que Davi se cansou. E Isbi-Benobe intentou ferir a Davi. Mas, Abisai, filho de Zeruia, o socorreu e feriu o filisteu matando-o. Então os homens de Davi lhe juraram, dizendo: Nunca mais sairás conosco à peleja, para que não apagues a lâmpada de Israel. Eu e as minhas perguntas: que homem é esse que os seus servos dizem que ele é uma lâmpada para Israel? Os seus homens ficaram apavorados com a possibilidade de perderem esse homem de Deus. De não terem mais as palavras e o convívio dele no meio deles. A fala deles é que nunca mais Davi sairia nas pelejas arriscando a sua vida. Será que olhamos assim para os líderes das nossas comunidades? Temos o prazer de tê-los ao nosso lado? Temos esse cuidado especial como os homens de Davi tinham para com ele?
Claro que sou suspeito para falar porque sou pastor, mas me arrisco assim mesmo dando algumas dicas para vocês com seus pastores:
 
• Ligue para ele e diga que ele é importante demais no pastoreio da comunidade;
• Diga que orou por ele durante um tempo do dia;
• Leve-o para tomar um café na padaria ou almoce com ele;
• Dê um abraço nele;
• Dê um livro de presente acerca de um assunto importante da vida cristã;
• Não deixe de lembrar do seu aniversário em hipótese alguma;
• Dê uma palavra de encorajamento no meio das lutas dele;
• Lembre-se de dizer o mesmo para a esposa e filhos dele (Alcindo Almeida).

Comentários

Postagens mais visitadas