Deus se esvaziando

A religião produz um sentimento de conquista, e a pessoa se sente gratificada pelo seu desempenho cheio de esforço. É o caminho que dá a maior satisfação para o ego, em relação às coisas transcendentes e, como uma droga, a religião vicia e mantém os sujeitos contagiados com suas propostas sedutoras.
No altar da religião, está o “eu” assumindo o controle de sua aceitação e construindo toda espécie de rituais para se auto-iludir. E este anseio teomânico do homem pelo trono de Deus é a motivação subjetiva para o seu projeto religioso que ganha o incentivo do inferno que entra com a lenha para incendiar os desejos da glorificação humana. 
Do outro lado ao da religião, e com características completamente diferentes, está o evangelho da graça de Deus. Jesus Cristo desceu do céu para se encontrar com o ser humano, no submundo do seu pecado, sem qualquer desempenho ou mérito desse homem falido.O evangelho é uma iniciativa totalmente divina, de cima para baixo, com o propósito de buscar o ser humano no seu território de rebeldia e incredulidade.
O evangelho mostra Deus se esvaziando de sua plenitude gloriosa e descendo até o nível do homem, na mais profunda humildade. Jesus Cristo, achado em figura humana, assume toda a pecaminosidade desta raça orgulhosa e perversa, a fim de libertar a humanidade de sua arrogância essencial, por meio da graça imerecida. Graça que constitui a diferença fundamental entre o evangelho e as religiões. Nunca se ouviu falar que um Deus criador, glorioso, independente e onipotente se reduzisse ao nível da criatura, totalmente dependente, para reconciliar o homem, que se encontrava no seu estado de rebeldia altiva do pecado, com a gloriosa santidade do Deus excelso.
Portanto o evangelho é uma iniciativa completamente diferente de todos os formatos religiosos. A religião exige a aceitação do homem, através do seu desempenho, enquanto o evangelho aceita o homem, pelo desempenho de Cristo Jesus (Religião uma Bandeira do Inferno - Glenio Fonseca Paranaguá)

Comentários

Postagens mais visitadas