Aprenda a se relacionar com sua filha

Ao relacionar-se com sua filha, tenha em mente que o cérebro feminino é “equipado” com aptidões especiais: ser bastante verbal, conectar-se profundamente com os amigos, neutralizar conflitos e apresentar “uma capacidade quase psíquica de ler expressões e tons de voz relacionados a emoções e estados de espírito”. Deus deseja que os pais não apenas entendam esse precioso projeto divino, mas também lidem bem com ele (Emerson Eggerichs. Amor e respeito na família).

Comentários

Postagens mais visitadas