Sentimentos, almas e significados

Os Salmos não foram utilizados como orações por pessoas que procuravam compreender a si mesmas. Eles não são o registro de pessoas em busca do significado da vida. Antes, foram usados como orações por pessoas que compreendiam que Deus tinha tudo a ver com elas. Deus, não os seus sentimentos, era o centro. Deus, não as suas almas, era a questão. Deus, não o sentido da vida, era crucial. Sentimentos, almas e significados não estavam excluídos e gozavam de grande evidência, mas eles não constituíam a razão das orações. As experiências humanas provocam as orações, mas elas não as condicionam como orações (Eugene Peterson - A oração que Deus ouve, p.28).

Comentários

Postagens mais visitadas