Rio +20

Hoje nós sugamos 30% a mais do que a terra pode oferecer para a humanidade. Não precisa ser nenhum gênio para prever um futuro desastroso médio e curto prazo se nada for feito em favor de uma mudança radical. Teremos a convenção nessa semana, mas qual país será bobo de falar “ao contrário” do que o povo quer ouvir? Isso não existe. Ecologia, Verde, Cuidados com a Terra, sustentabilidade – Todas estas palavras estarão presentes a todo momento. Nenhuma empresa será boba de ir ao contrário disso, montadoras, mineradoras, todas grandes indústrias e empresas vão adotar estes nomes, mas para que? Realmente fazer uma mudança ou camuflar com palavras bonitas da “moda”?
A coisa toda é muito mais profunda que isso, sustentabilidade faz pensar em alguns caminhos:
1. Olhar um pouco mais sem hipocrisia para a economia verde;
2. Sistema capitalista querendo se manter sustentável com menos agressão ao planeta terra, porém continuar extraindo o máximo possível da terra;
3. Deixar de pensar no PIB e focar no bem estar do povo.
Depois eu comento o papel dos cristãos na visão do pacto da criação...

Comentários

Postagens mais visitadas