Guardando a alma

O texto de Josué 23:11 diz: Portanto, guardai diligentemente as vossas almas, para amardes ao Senhor vosso Deus. Quando leio esse texto, fico pensando como é guardar a nossa alma para que amemos ao Senhor. Eu penso que isso tem haver com um sentimento no nosso coração de exclusividade. Guardar a alma de maneira diligente é reservar um lugar dentro do nosso coração para que seja único diante de Deus.
Quando temos o Eterno Deus como a única fonte da nossa vida, é evidente que podemos amá-lo e reverencia-lo e nos curvar diante dele. Guardar a alma é ter o Senhor como primazia de tudo na vida! E só podemos amar a Deus quando o reverenciamos sobre tudo, quando o buscamos de todo o coração e alma!
Josué tinha essa percepção na sua relação com Deus! Tanto que ele chama o seu povo e diz essas palavras marcantes: Guardai diligentemente as vossas almas, para amardes ao Senhor vosso Deus. Que tenhamos essa percepção no coração e que o guardemos na presença do Eterno! (Alcindo Almeida).

Comentários

Postagens mais visitadas