Olhemos com graça para as pessoas


-Texto para reflexão: Mas, como insistissem em perguntar-lhe, ergueu-se e disse- lhes: Aquele dentre vós que está sem pecado seja o primeiro que lhe atire uma pedra (Jo 8.7).

O legalismo tem impedido a igreja de cuidar dos feridos e pecadores da vida. Somos na verdade imitadores de uma classe hipócrita em Israel. Queremos medir e avaliar as pessoas aos nossos próprios olhos e com a nossa visão da tradição de costumes.
No texto Jesus lida com esta estrutura humana de julgar e medir as pessoas. Ele voltou para o templo e todo o povo veio ter com ele e assentado os ensinava. De repente, os escribas e fariseus, trazem uma mulher que fora apanhada em adultério. Eles a colocam no meio do templo para todos verem-na e dizem que aquela pecadora foi pega em adultério.
E como eles eram religiosos, seguiam a risca a Lei de Moisés e dizem que a Lei manda que os que tais adúlteros sejam apedrejados. Eles tentam a Jesus para acusá-la e como a miséria humana nos cega para vermos os nossos próprios erros e pecados diante de Deus. A prática dos homens da religião é de alguém que mede as pessoas sem olhar para os seus.
Estes homens da religião são extremamente hipócritas diante desta mulher que talvez se chamasse Susana esposa de um homem chamado Manassés de Jerusalém (CHAMPLIN, Comentário, Vol. II, 1995, p. 398).
Eles a expõem diante de todos sem nenhuma compaixão. Eles a apresentam diante de Jesus e ainda o chamam de mestre. Que hipocrisia! Porque eles não se preocupavam com o bem moral da comunidade e sim, em atacar a Jesus.
Parece-me que a coisa no Século XXI não mudou de jeito, pois, há pessoas que usam a Escritura para condenar os outros. E algo que precisamos entender é que erramos constantemente e necessitamos de maneira profunda da graça de Deus na vida.
Jesus mostra através dessa palavra que aqueles homens da religião não eram dignos de serem ouvidos porque estavam cegos diante da própria realidade do próprio pecado. Assim, devemos olhar com graça para todas as pessoas nos lembrando que somos todos pecadores diante de Deus!
Oração do dia: Senhor, somos miseráveis demais. Então nos ajuda a não julgar as pessoas, mas olharmos para dentro de nós mesmos e percebermos a necessidade diária da tua graça!

Comentários

Postagens mais visitadas