Libertos do medo

Quando percebemos a beleza de tudo que ele fez por nós, nosso coração acaba atraído por ele. Percebemos que o amor, que a grandeza, que o consolo e a honra que sempre buscamos nas outras coisas estão bem aqui. Tamanha beleza também elimina o medo. Se o Senhor do Universo nos amou o suficiente para suportar tudo aquilo por nós, o que haverá para temermos? Quanto mais “virmos sua beleza”, mais seremos libertos do medo e da necessidade de ser tanto irmãos mais novos quanto irmãos mais velhos (Tim Keller. O Deus Pródigo).

Comentários

Postagens mais visitadas