Deus nos livra dos abismos da vida

Davi diz no Salmo 40.1-2 que esperou com paciência pelo Senhor e ele se inclinou para ele e ouviu o seu clamor. Ele afirma que Deus o tirou duma cova de destruição, de um charco de lodo e pôs os seus pés sobre uma rocha e firmou os seus passos. Ele passava por perigos terríveis de morte, por isso, ele diz que estava num lodo lamacento. Ele diz que estava na cova da desolação. E esta ideia é derivada da palavra destruição. Aqui há uma ideia de águas profundas que levam a pessoa para um abismo muito profundo. Davi afirma que Deus o livrou deste terror de morte e pôs os seus pés sobre uma rocha e firmou os seus passos. Deus livrou Davi da mais terrível ameaça de morte e desolação. Deus o resgatou e firmou os seus passos. Quantas vezes, Deus faz isto na nossa vida. Quantas vezes ele vem e nos socorre diante das nossas mais terríveis crises e dores da vida. Ele nos ajuda e nos firma os passos para que não pereçamos e para que não desanimemos na caminhada. Ele nos ajuda e nos coloca sobre uma rocha para que os abismos profundos da vida não nos façam fraquejar nesta caminhada (Poesia e Oração).

Comentários

Postagens mais visitadas