Invertendo as prioridades

Hoje na minha devoção pela manhã lendo o livro de II Reis me deparei com esse texto: Eles adoraram ao Eterno, mas não exclusivamente. Também nomearam todo tipo de pessoa, mesmo sem qualificação sacerdotal, para conduzir os rituais nos altares idólatras. Eles adoravam ao Eterno, mas também mantiveram a devoção aos deuses de onde eles vieram. Que coisa não? Passam os anos e as gerações e a falta de exclusividade para com Deus, continua sempre a mesma. Quantas vezes servimos a Deus, mas ao mesmo tempo a nós mesmos. Invertemos as prioridades na relação com Deus e não o  reverenciamos na vida. Penso que o Eterno Deus se entristece com esse nosso jeito de criaturas caídas e volúveis na espiritualidade (Alcindo Almeida).

Comentários

Postagens mais visitadas