Cristo no centro de tudo


Foi Carlos Hilsdorf que disse: Ser humilde não é acreditar que somos menos que os outros. É saber que não somos mais que ninguém.Quando lemos os Evangelhos e os escritos de Paulo, percebemos essa ideia presente. A humildade passa pelo coração simples que reconhece Deus em tudo. A humildade passa pelo coração que sabe que tudo o que somos ou fazemos tem ação divina.
O grande seguidor e amigo de Jesus, Joao Batista, disse: É necessário que Ele cresça e que eu diminua. João estava convicto que o centro do Evangelho é o Cristo, não ele. Cristo é a primazia de tudo, não ele. Cristo deveria ser visto e não ele. Cristo deveria ser proclamado, não a pregação de Joao Batista.
Com humildade no coração, era o jeito como João andava e nós precisamos também. Precisamos dessa humildade que coloca Cristo em primeiro lugar para tudo. Não somos nós que brilhamos, é Cristo. Não somos nós que realizamos nada, é Cristo. Cristo no centro de tudo é princípio norteador para qualquer ser humano que anda com Ele. 
Bem, na jornada do Reino de Deus não somos mais do que ninguém, somos os servos daquele que reina, daquele que é o primeiro em tudo, daquele que é o centro da nossa vida e coração. Que sejamos como João Batista, que desejava ver Cristo sempre como primazia de tudo na vida e coração. (Alcindo Almeida)

Você também pode gostar

0 comentários