Pensando no momento da tentação em Lucas 4

A ambição de ser uma estrela ou herói individual, que é tão comum na nossa sociedade competitiva, não é mais um sentimento estranho na realidade cristã. Como o espetáculo e o personalismo estão tão perto, tão vivos no nosso meio. Você vai numa igreja e parece um filme a apresentação de alguns "pop show". Na verdade, esse item não é um problema só da sociedade, é um problema do ser humano. Essa empafia é de dentro mesmo, é do ser pecador que gosta do ego, gosto do louvor a si mesmo, gosta dos aplausos, gosta de estar no topo. Por isso, concordo com Nouwen quando diz que precisa dos irmãos para se sentir mais humano e para permanecer puro na mente e no coração e da Palavra para perceber que quem reina é Jesus, não o homem.
____________

Alcindo Almeida - membro da equipe pastoral da IP Alphaville.

Comentários

Postagens mais visitadas