O perdão que vem do Verbo de Deus


-Texto para reflexão: E o verbo se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glória como do unigênito do Pai (João 1.14).

A presença da maldade é um fato entre nós. O pensador Chesterton diz que o pecado é a única questão que não precisa de discussão teológica porque basta abrir e jornal e ver o mal de forma natural. Tudo está marcado pelo nosso pecado. O pecado é uma rebelião contra o criador e toda rebelião contra ele é punida com a aniquilação.
Romper com Deus é não existir e todo pecado é uma ruptura com Deus.
João ensina que Jesus veio participar da nossa natureza quando se encarnou e isto para destruir as forças do mal. Ele assumiu a nossa natureza humana caída, corrompida para que pudéssemos nos tornar semelhantes a ele na sua imagem.
Ele submeteu-se participar na nossa miséria para que pudéssemos participar da sua glória e majestade. Ele habitou entre nós, andou em nosso meio para que tivéssemos o privilégio de tê-lo como a nossa verdadeira luz. Jesus se tornou o Verbo encarnado para lavar os pés de pecadores mostrando que é ser cheio de graça.
Jesus se tornou o Verbo encarnado para nos ligar de novo ao Pai. Jesus se tornou o Verbo encarnado para se esvaziar, se humilhar mostrando que a verdade de Deus é para pecadores que precisam se encontrar com esta verdade e reconhecer sua miséria.
Então a grande questão é: o que segura o Universo?
O perdão de Deus.
A primeira coisa que aconteceu no Universo foi o perdão de Deus. O pedido de Jesus: Perdoa-lhes porque eles não sabem o que fazem (Luc. 23.34). É uma declaração de que Deus poupa a criação, porque do contrário, ele a destrói por completo.
A primeira coisa que Deus fez chama-se perdão. Deus decidiu nos perdoar em Cristo – II Cor. 5.19 e por isso, o verbo vem à terra cheio de graça e de verdade. Por isso, a fé cristã não é fé que fala de perdão, ela se sustenta no perdão. A fé não só se sustenta no perdão, ela declara que toda a criação está sustentada pelo perdão divino. Cada vez que pecamos, recebemos este perdão que nos sustenta. O Verbo se encarnou exatamente para isso! Ele veio para nos perdoar, para nos reconciliar.
Quando comemorarmos o Natal nos lembremos que o Verbo se encarnou para nos trazer o perdão que vem do trono da graça!

Alcindo Almeida

Comentários

Postagens mais visitadas